quinta-feira, novembro 1

Libertei o passado. Não pensava dizer isto tão cedo, mas é verdade.
Acordei com outra disposição, com outro encarar.
Pouco ou nada é preciso para, de um momento para o outro, o que outrora parecia importante deixar de o parecer, deixar de o ser.
Não digo que nunca foi importante. Era importante. Foi importante. Simplesmente deixou de ser.
Fico contente.

Sem comentários:

Enviar um comentário